Osklen dá continuidade ao projeto de Recuperação da Vegetação de Restinga do Rio de Janeiro

Dando continuidade ao movimento ASAP, um chamado da OSKLEN para a urgência da adoção de um estilo de vida alinhado a práticas sustentáveis socioambientais, a coleção Janeiro reafirma esse compromisso através de seus projetos em parceria com o Instituto-E. 

A integração entre o calçadão e a areia é palco de um desses projetos emblemáticos, a Recuperação da Vegetação de Restinga. Através desta iniciativa pioneira, que teve início em 2009, mais de 10 mil metros quadrados de canteiros foram criados e recobertos com mais de 40 mil mudas de plantas típicas desta vegetação de beira de praia, reconstituindo para seus frequentadores e visitantes um cenário ainda mais belo, que enfeitava a orla carioca até a década de 50. 

Além de contribuir esteticamente, recuperar a flora e fauna originais e estimular a educação ambiental de centenas de alunos de escolas públicas que participam dos replantios periódicos, esses canteiros também ajudam a manter uma temperatura local mais amena, além de evitar o deslocamento da areia em dias de tempestades e ventos fortes. É um exemplo de uma parceria público-privada bem-sucedida, que beneficia milhões de pessoas, promovendo a prática da cidadania e do bem cuidar de um espaço que é de todos.

12.09.2019